O GUIA DEFINITIVO PARA SOBREVIVER AO INVERNO

NESTE GUIA GRATUITO:

  • Aprenda como preparar, proteger e manter o seu veículo em segurança durante o clima de inverno.
  • Descubra os produtos que precisa para oferecer proteção contra os elementos de Inverno, como o frio, a geada, a neve, etc…
  • Veja como a manutenção nos climas frios não necessita de ser cansativa ou demorada.

QUAIS SÃO OS BENEFÍCIOS?

  • Os elementos do clima de Inverno são os mais severos a que o seu veículo estará sujeito. Aprender a limpar e proteger de forma eficaz, ajuda a evitar os danos inevitáveis às superfícies e componentes.
  • Saber como evitar erros potencialmente prejudiciais durante a manutenção de rotina, serve como base para todos os detalhes, protegendo o esforço que coloca em qualquer outro processo de detalhamento e o valor do seu veículo.
  • O seu veículo vai ficar mais bonito e limpo por mais tempo… e quem é que não precisa disso?

QUAL É A MELHOR MANEIRA DE PREPARAR E MANTER O SEU VEÍCULO SAUDÁVEL DURANTE O INVERNO? BOM, FICAMOS FELIZES POR PERGUNTAR…

Escusado será dizer que a melhor altura para preparar o seu carro para o Inverno não é quando a neve ou as geadas começam a cair, é agora! Mas, embora existam diversas opiniões e pensamentos sobre o assunto e um monte de perguntas sobre quais produtos e processos de detalhe são mais eficazes, a resposta para manter o seu veículo sempre com ótima aparência – e totalmente protegido – durante o ataque sazonal, é na verdade bem simples. Tudo o que precisa de fazer é seguir o nosso guia de sobrevivência passo a passo, para deixar o seu “mais que tudo” em segurança… e saberá como mantê-lo assim até á chegada da primavera.

O SEGREDO DE SOBREVIVÊNCIA PARA O INVERNO

A chave para manter o Inverno sob controle vem em três partes distintas – preparação, proteção e manutenção. Cada etapa é igualmente importante e precisa de ser realizada de forma eficaz, simplesmente porque o detalhe de Inverno traz desafios maiores, ou pelo menos um pouco diferentes, que podem não ser tão preocupantes nas estações do bom tempo.

Para os três processos, tudo se resume à concentração, e, muitas vezes, à abrasividade dos contaminantes prejudiciais na estrada. Contaminantes mais pesados e abrasivos – causados pelo aumento de sal e gelo da estrada – equivalem sempre a uma limpeza mais arriscada, especialmente no primeiro caso, onde áreas sensíveis como pintura, rodas e plásticos brilhantes podem não ser adequadamente protegidas. Além disso, a mudança física no clima significa que a probabilidade desses contaminantes severos – para não mencionar potencialmente prejudiciais – serem transferidos da estrada para o seu veículo aumenta a um ponto em que é inevitável. Claro que há também a preocupação com a segurança, uma melhor visão geral nunca é prescindível. Com o pôr-do-sol a acontecer às 18h, o melhor será a prevenção, não é verdade? Por razões óbvias, uma vez que um veículo esteja limpo e preparado com segurança para o Inverno, adicionar proteção é vital para proteger o acabamento e impedir que os contaminantes causem danos durante o uso diário. A ideia principal das camadas protetoras – sejam ceras, selantes ou revestimentos – é evitar que a sujidade entre em contato direto com as superfícies. Num nível básico, impedir que eles se entranhem no seu veículo, não evita apenas que eles causem danos mas também torna a manutenção contínua mais fácil e, mais importante, mais segura.

A peça final do puzzle é a manutenção contínua, a parte em que decide o quão bem gostaria que o seu veículo ficasse e isso é diretamente proporcional à frequência com que o limpa. Mas, se optar por lavar o seu carro com menos regularidade do que no verão, depende de si. O mais importante aqui é que, por mais bem protegida que esteja a sua pintura e outras áreas sensíveis e qualquer que seja a frequência do seu regime de limpeza, precisará igualmente de limpar os contaminantes da forma mais segura possível. Crucialmente, usando produtos que não degradam as suas camadas protetoras. Assim, quando a sujidade potencialmente prejudicial for removida, o objetivo do exercício estará completo e o seu carro ficará ótimo novamente… então, é só uma questão de completar a sua proteção para uma melhor durabilidade. Lembre-se que, nunca consegue ter muita defesa contra os elementos a qualquer momento, especialmente durante o inverno.
Felizmente, temos todas as informações sobre todos esses processos – então, aqui está o nosso guia para a melhor maneira de preparar, proteger e manter o seu veículo protegido nos próximos meses…

QUAL É A MELHOR ALTURA PARA LAVAR O SEU CARRO?

Se estiver frio lá fora, a resposta básica é durante a parte mais quente do dia. Obviamente, nunca lave o seu carro à luz directa do sol ou quando está quente, mas também sabemos que vai querer reduzir a hipótese de congelamento da água no chão ou no veículo enquanto o lava. É por isso que levantar cedo e limpar o seu carro quando ainda está gelado não é aconselhável. Utilizar água quente no seu balde de lavagem também não é uma má ideia.

Quando se trata do seu kit, remover a sujidade agressiva do Inverno com segurança é a principal preocupação e, embora a maior parte deste procedimento se resuma aos processos envolvidos e a grande maioria dos produtos será a mesma, em alguns casos – principalmente quando a sujidade for extremamente pesada – poderá necessitar de produtos ou diluições ligeiramente mais fortes para ser mais eficaz.

DETALHAR OS COMPARTIMENTOS DO MOTOR

Embora o processo físico e os produtos envolvidos ao detalhar o compartimento do motor e a parte inferior do capô em preparação para o Inverno sejam os mesmos de qualquer outra época do ano, temos de saber que provavelmente é mais necessário em termos de proteção, durante os meses em que os contaminantes agressivos da estrada estão no seu pior.

A sujidade e o sal podem causar estragos nos componentes do motor, danificar borrachas, oxidar metais e manchar ou desbotar os plásticos. Em alguns casos, isso pode levar à falha do componente, por isso faz sentido limpar e proteger completamente o seu compartimento para o proteger da sujidade, especialmente quando o conduzimos diariamente.

Para a grande maioria dos carros, é perfeitamente seguro limpar os compartimentos do motor usando uma máquina de lavar de alta pressão porque os sistemas elétricos e outros sinais vitais serão protegidos com tampas de plástico. De qualquer das formas esteja sempre atento a componentes elétricos e filtros de ar expostos e nunca pulverize diretamente em componentes como alternadores.

Eradicate Engine Degreaser é o nosso produto de escolha, projetado para acabar rapidamente com a sujidade pesada, como o óleo, e é seguro para uso em todos os plásticos, metais e borrachas. Escovar suavemente usando um pincel dos Detailing Brush Set levantará os contaminantes das superfícies, permitindo que eles sejam facilmente enxaguados com a sua máquina de lavar de alta pressão.

Assim que o cofre do motor estiver limpo, nem precisará de o secar. Basta borrifar o Dressle All-purpose Dressing generosamente por cima e fechar o capot. Este produto à base de água não tratará apenas com um acabamento de toque seco (pode limpar qualquer excesso no final do seu detalhe, se desejar), mas também fará uma barreira de proteção aos elementos prejudiciais, facilitando a limpeza do seu cofre para as próximas vezes. Para o Inverno, certifique-se de ter bastante produto para manter o seu veículo saudável até á Primavera.

LIMPEZA PROFUNDA DE JANTES E PNEUS

A única grande diferença nas etapas de lavagem entre preparar o seu carro para o Inverno e detalhar no verão é que pode precisar de um pouco de esforço extra para obter acesso às áreas de difícil acesso.

Como em qualquer detalhe exterior, começamos sempre pelas jantes e, para uma preparação completa, recomendamos sempre removê-las uma a uma, para obter o melhor acesso à parte traseira. Vale a pena o esforço, porque mesmo as jantes mais comuns são suscetíveis ao início da corrosão, devido ao sal da estrada e outros contaminantes, como sujidade e poeira. Quando pensamos sobre isso, sabemos que as suas jantes estão continuamente expostas aos piores contaminantes, mais do que qualquer outra parte do veículo e, se forem desleixadas por um longo período, elas desgastarão os vernizes protetores e, eventualmente, o metal provocando uma corrosão. Em casos extremos, isso pode até comprometer a estrutura da própria jante – a pior das preocupações de segurança.

A única maneira de combater a hipótese de isto acontecer com o seu veículo, é limpar, descontaminar e proteger toda a jante de forma eficaz, e isso inclui as partes que não são vistas. Retirar as rodas para obter o acesso necessário será sempre o melhor caminho.

Primeiro, dê uma boa lavagem nas rodas com a sua máquina de lavar de alta pressão. Esta parte pode ser concluída com as rodas dentro ou fora do veículo, a ideia é remover o máximo possível da sujidade pesada para garantir que qualquer produto de limpeza que use, possa trabalhar nos contaminantes entranhados, em vez de trabalhar só na sujidade.

Com a jante fora, comece a limpar por dentro, pois esta será a parte mais suja e contaminada. Aqui olhamos para as principais áreas que tendem a ser perdidas ou muito difíceis de alcançar durante as lavagens regulares. Limpar estas áreas primeiro também ajudará a impedir a transferência de contaminantes prejudiciais ​​para as faces das suas jantes.

Obviamente que a sua escolha do produto aqui dependerá do acabamento da sua jante. Se as suas jantes aftermarket são metal nu anodizado ou polido, por exemplo, pode querer saltar os produtos ​​de descontaminação e simplesmente optar por escovar com um pouco de Revolution Wheel Soap ou até mesmo Citrus Power Bug & Grime Remover. Afinal de contas, é improvável que este tipo de rodas especializadas possam ficar contaminadas o suficiente para precisarem de mais.

Na maior parte dos casos, embora esteja a lidar com as rodas pintadas ou revestidas a pó mais comuns, nós gostamos de começar com uma aplicação liberal do nosso Iron Out Contaminant Remover. Embora contenha muitos agentes de limpeza e desengorduramento, Iron Out não é estritamente um produto de limpeza de jantes. No entanto, o que ele vai fazer é dissolver quimicamente os metais ferrosos. Encontrará isso muitas vezes nas suas jantes, pois provêm principalmente do pó dos travões.

Já consegue ver o Iron Out a fazer o seu trabalho… O metal reage com a solução tornando-o numa cor “vermelho-sangue”, aí está na altura de enxaguar a contaminação. Embora este produto tenha sido concebido para ser utilizado em pintura durante as fases de descontaminação (chegaremos a isto mais tarde), quando se trata de jantes também pode ser escovado em todos os recantos utilizando um Barrel Brush, Detailing Brushes e uma luva de lavagem. De certa forma, o Iron Out pode ser tratado como se fosse um produto de limpeza de jantes como o Revolution Wheel Soap ou o Imperial Wheel Cleaner, isto não dará apenas à solução um pouco mais de força, devido ao fato de estar a agitar para obter uma solução fresca nos contaminantes (em vez de esfregar), mas também ajudará a fazer a sua magia nas áreas de difícil acesso.

Uma vez que os resíduos tenham sido enxaguados, será necessária uma nova inspecção. Na maioria dos casos, a roda estará limpa e livre de contaminação, mas se for necessário um pouco mais de poder de limpeza, devido à sujidade de inverno ou mesmo a simples negligência, escovar com um pouco de Imperial com uma solução de Revolution removerá qualquer outra sujidade restante.

Durante este processo, é importante não esquecer os pneus, não só pela aparência, mas porque também têm de resistir à sujidade e sal da estrada, provavelmente até mais do que qualquer outra parte do veículo. Estes tipos de sujidade de Inverno envelhecem prematuramente a borracha e podem causar uma série de danos, desde o desbotamento até a rachaduras e falhas. Combater isto, esfregando com o Tread Tyre Cleaner com a escova Rubber Scrubber é essencial – especialmente com as jantes fora do veículo, uma vez que se pode agora chegar às paredes laterais interiores, que são muitas vezes esquecidas.

Tal como o resto do seu veículo, as suas jantes e pneus necessitarão de protecção contra a sujidade de Inverno e isso é concluído mais tarde nas fases finais do seu detalhe mas por agora vale a pena lembrar que em alguns casos poderá ser necessária uma descontaminação adicional antes de adicionar protecção. Se existir alcatrão ou resíduos de cola, um pouco de ObliTARate Tar & Glue Remover (ou ObliTARate Gel) pode ser utilizado para remover isso rapidamente. Não é muitas vezes necessário aqui, mas também se pode limpar as suas jantes para remover outros contaminantes incrustados. Tal como na pintura, é essencial ter as jantes o mais preparadas possíveis, antes de adicionar protecção. 

LIMPEZA PROFUNDA DE CAVAS DE RODA

Escusado será dizer que sem as rodas colocadas tem a oportunidade perfeita de conseguir chegar às cavas de roda para uma limpeza profunda. Assim como no compartimento do motor, isto não é apenas por estética, o contato constante com a sujidade pesada pode ser difícil para os componentes mecânicos, por isso faz sentido deixá-los o mais limpos e protegidos possível.

Verso All-Purpose Cleaner é o produto ideal aqui, este APC diluído pode ser adaptado para lidar com a sujidade mais dura, soltando e removendo com segurança para longe das superfícies. Uma diluição razoavelmente forte de 1:5 a 1:2 deve ser suficiente para a sujidade mais pesada.

Primeiro, enxague bem toda a área com a sua máquina de lavar de alta pressão, certificando-se de soltar qualquer lama e areia.

As pinças de travão e componentes da suspensão podem ser limpos com Verso e uma escova de detalhe, enquanto as cavas de roda de plástico beneficiam-se de uma boa lavagem com a Arch Blaster. Aplique generosamente o Verso, escove e depois enxagúe a sujidade.

Mais uma vez, uma descontaminação extra pode ser necessária para cavas de roda de plástico. Na verdade, quando se trata de resíduos de alcatrão, pode ser surpreendente o quanto eles se acumulam ao longo do tempo. Esses resíduos fazem um ótimo trabalho para impedir a proteção da ligação mas são fáceis de remover usando o ObliTARate. Embora geralmente não recomendemos o uso deste produto à base de solvente em acabamentos Matte, esta é uma exceção onde pode ser particularmente eficaz. Basta pulverizar, deixar repousar, enxaguar o excesso e limpar os contaminantes com um pano de microfibra velho.

Para adicionar mais um pouco de proteção contra a sujidade do Inverno, usamos o  Revive Trim Dressing e Dressle All Purpose Dressing. Esta etapa pode ser concluída para poupar tempo, ou durante as etapas finais, quando protege totalmente as suas rodas, seja qual for a sua preferência.

Primeiro o Revive, à base de polímero de silicone. Normalmente, é usado para dar uma nova vida ao acabamento de plástico desbotado, o que faz muito bem. Aqui, porém, estamos mais interessados ​​em oferecer uma barreira protectora e resistente à água e restantes elementos. O Revive também é extremamente simples de aplicar usando o Foam Applicator. Basta aplicar uma pequena quantidade em toda a área, deixar atuar durante 5 minutos ou mais e limpar o excesso. Uma vez que o seu Revive estiver totalmente sarado, borrifa-se uma camada extra de Dressle sobre toda a área (junto aos braços de suspensão e outros componentes) o que oferecerá ainda mais proteção.

PRÉ-LAVAGEM EM SEGURANÇA

A ideia de uma pré-lavagem eficaz, é remover os contaminantes ​​sem tocar no veículo, para evitar que partículas afiadas causem riscos e swirls. Como dissemos, quanto mais agressivos forem os contaminantes encontrados nas suas superfícies,  mais sensíveis e mais arriscado será para limpar e, por isso, recomendamos que use sempre um produto de pré-lavagem adequado.

Antes de mais nada, lave todo o veículo de cima para baixo para remover a maior parte da sujidade solta. Certifique-se de entrar nas áreas mais difíceis para eliminar qualquer sujidade que possa ser transferida de volta para a pintura mais tarde. Novamente, este processo é igualmente importante para garantir que as suas soluções de limpeza funcionem onde são mais necessárias.

Em seguida, aplique o produto de pré-lavagem. Tanto o Citrus Power Bug & Grime Remover como o Dynamite Traffic Film Remover são extremamente eficazes, a principal diferença entre os dois é que o Dynamite é um concentrado diluível, o que significa que pode criar uma solução um pouco mais forte para as partes mais sujas, tornando-o particularmente útil para quem conduz diariamente ​​no Inverno.

Uma solução 1:5-1:3 de Dynamite é adequada para a remoção de sujidade mais difícil. Basta aplicar em todo o veículo (começando pelas áreas mais contaminadas, como as metades inferiores e a traseira), deixar repousar por alguns segundos – levantando-o das superfícies e suspendendo-o com segurança – e de seguida enxagúe. É muito simples.

A última parte do processo é ser extremamente meticuloso na sua pré-lavagem e lidar com as áreas mais difíceis. Aqui o Citrus Power pode ser pulverizado em lacunas do painel antes de o lavar com a sua máquina de lavar de alta pressão. Esta solução de limpeza poderosa e pronta para uso também pode ser pulverizada em batentes de portas e tampas do porta-malas e agitada com uma escova de detalhe antes de enxaguar.

SNOW FOAM

A segunda parte da pré-lavagem mais eficaz envolve o uso do Avalanche Snow Foam para remover quaisquer contaminantes restantes. Esta espuma com infusão de frutas cítricas não é apenas projetada para durar o máximo de tempo possível para o melhor poder de limpeza mas também funcionará nas áreas mais difíceis, borbulhando e removendo a sujidade, para oferecer o máximo de profundidade de limpeza.

Uma vez aplicado usando a Foam Lance, deixe o Avalanche atuar no veículo o máximo que puder sem deixá-lo secar. Enquanto isso, pode esfregar levemente a espuma nas grelhas, tampa do depósito, borrachas das janelas, tejadilho e ao redor de emblemas e faróis usando uma escova de detalhe macia ou uma Feather Tip. A ideia aqui é colocar a solução de limpeza em todos os recantos difíceis e como toda a grande sujidade já foi removida na pré-lavagem inicial, um pouco de agitação é perfeitamente segura. Apenas mais uma razão pela qual fazemos sempre a pré-lavagem usando um produto adequado primeiro.

Após um enxaguamento completo, para remover qualquer sujidade que o Avalanche tenha apanhado, pode passar para a lavagem de contato.

LAVAGEM DE CONTATO

Agora, para a parte mais arriscada de todo este procedimento, a parte em que precisa de limpar fisicamente o carro e toda a razão pela qual nos certificamos de pré-lavar e fazer espuma.

A chave para manter a sua lavagem de contato segura e livre de swirls é tanto uma questão de usar os procedimentos e os produtos corretos. Mesmo os baldes que usa são cruciais e precisa de dois – um para o shampoo e outro com água limpa para enxaguar a sua luva entre as passagens.

Há uma razão pela qual os baldes de detalhe como o nosso Pro Bucket Combo são designados da maneira que são. A primeira é a grande capacidade para 20 litros, mais água significa que a probabilidade de a sujidade voltar para a etapa de lavagem é reduzida. Os nossos baldes também beneficiam de um protetor de areia que fica a cerca de 6 cm do fundo. Partículas pesadas afundam abaixo da proteção, o que significa que não pode pegar nelas com a sua luva.

Quanto aos produtos mais óbvios, o Lather Car Shampoo não é apenas um shampoo poderoso que remove a sujidade mas também contém lubrificantes especiais que permitem que qualquer sujidade deslize sobre a superfície do seu veículo enquanto o lava sem riscar. Adicione uma luva de lavagem de boa qualidade – que será projetada para segurar a sujidade que acabou de limpar, longe da pintura, até lavá-la – e tudo o que precisará de seguida é seguir o melhor caminho ao redor do seu veículo.

O processo é muito importante aqui e é também importante lidar primeiro com as áreas mais limpas, para ajudar a evitar a transferência de sujidade pesada para áreas mais limpas. Comece pelo teto, capô e laterais superiores e termine com o pára-choques dianteiro, laterais inferiores e traseira. Além disto, deverá sempre efetuar a lavagem em linhas retas. Movimentos pequenos e circulares são mais propensos a causar swirls.

DESCONTAMINAÇÃO DA PINTURA

A parte final da etapa de lavagem é a descontaminação, onde a contaminação incorporada é removida antes do polimento. Isso inclui partículas metálicas provenientes do pó dos travões, juntamente com outros contaminantes resistentes, como resina de árvore e alcatrão – o tipo de manchas que a lavagem sozinha não consegue remover.

Para isso, utilizamos sempre um processo simples de três passos, começando com Iron Out para remover qualquer partícula. O Iron Out foi projetado principalmente para uso em pintura e basta apenas pulverizar em todas as áreas contaminadas, para permitir que reaja enquanto se dissolve e remove as partículas para depois ser enxaguado.

A próxima fase é a remoção de alcatrão e outros resíduos pegajosos usando o OBliTARate, esta poderosa fórmula à base de solvente também é projetada para uso em pintura e derrete os resíduos, mantendo-os na solução para que possam ser limpos com um pano de microfibra limpo. Para uma contaminação pesada, também pode optar pelo ObliTARate Gel, que usa os mesmos solventes poderosos, mas foi projetado para permanecer na superfície por um pouco mais de tempo. Esses produtos também são extremamente úteis para remover outras contaminações persistentes. Depois de usar os removedores de alcatrão e cola, também é importante neutralizar o solvente remanescente, lavando novamente as áreas tratadas com o Lather Shampoo. Isso irá evitar que o ObliTARate interfira com o próximo passo.

A etapa final de descontaminação envolve o uso da Clay Bar para retirar fisicamente qualquer outra contaminação da pintura. Este processo simples faz toda a diferença e pode ser realizado antes ou depois de secar o veículo, dependendo do nível de contaminação e, claro, da sua preferência pessoal. À medida que a Clay Bar é passada sobre a superfície da sua pintura, ela é capaz de remover suavemente contaminantes como resina, manchas da água, de insetos e excrementos de pássaros, além de alcatrão e resíduos industriais. Usando a Clay Bar e Glide Clay Lube em cada parte da sua pintura é a melhor maneira de obter um acabamento suave, semelhante ao vidro e preparar o seu carro para a próxima etapa (correção ou acabamento da pintura). 

PREPARAÇÃO E CORRECÇÃO DE PINTURA

É aqui que o processo se torna ainda mais específico para o seu veículo, porque só você pode inspeccionar e, em última análise, ver os defeitos que terá de remover. O que é certo aqui é que há muitos níveis quando se trata de correcção de pintura – o seu veículo pode exigir qualquer coisa, desde a remoção de marcas de swirls leves até à restauração utilizando massas grossas ou mesmo uma lixagem húmida. Ou então, mais uma vez, talvez a sua pintura seja bastante perfeita e simplesmente beneficiará de um pequeno acabamento ligeiro e preparação da superfície, a fim de ajudar a aceitar as suas camadas de protecção. O mais crucial aqui é lembrar que a protecção que escolher irá essencialmente bloquear quaisquer defeitos já existentes na sua pintura – camadas protectoras como ceras e revestimentos não são abrasivos concebidos para corrigir, apenas protegem o que já está por baixo, melhorando ainda mais o acabamento e ajudando a prevenir danos causados por elementos ambientais. É por isso que fazer com que a sua pintura seja o mais impecável possível primeiro é uma das maiores, e mais especializadas, partes dos pormenores. Lembre-se sempre que, uma vez aplicada a protecção, é simplesmente demasiado tarde.

A outra grande consideração aqui é o tipo de protecção que irá utilizar nas fases finais. Para a protecção mais dura no Inverno (especialmente em condutores diários), recomendaríamos sempre um revestimento cerâmico – exactamente a razão pela qual utilizaremos o nosso Kit de Protecção Completa Caramics mais tarde neste guia passo-a-passo. A questão importante agora é: porque é que precisa de decidir sobre a protecção antes da correcção? Bem, é simplesmente porque a protecção que utiliza mais tarde irá ditar o tipo de produto abrasivo que precisa de utilizar.

Tudo se resume a uma ligação por camadas. As suas camadas de protecção precisam de se ligar à pintura para criar uma camada durável, mas as ceras e os revestimentos ligam-se de facto de formas completamente diferentes.

Os nossos produtos de protecção à base de cera, o nosso creme Radiance Carnauba Crème e as nosssa ceras duras, por exemplo, ligam-se fisicamente à pintura, preenchendo essencialmente recessos microscópicos e agarrando-se à superfície para criar uma camada superior totalmente nova, nivelada opticamente. Os revestimentos cerâmicos à base de sílica, por outro lado, ligam-se quimicamente à pintura a um nível molecular para se tornarem parte da camada superior existente – uma barreira da protecção mais durável e impermeável.

A razão pela qual é necessário saber isto agora é que as camadas de cera não permitem que os revestimentos cerâmicos se liguem quimicamente à pintura – basicamente bloqueiam as moléculas de Si02 de entrarem em contacto com as moléculas de superfície. É por isso que as massas de polimento que utiliza para corrigir previamente não podem conter ceras. Ao planear o revestimento cerâmico, utilizamos o “One Step All-in-One” ou as massas de polir do nosso Kit Revitalise V2 para correcção, que são livres de ceras e concebidos para dar um verdadeiro acabamento.

As ceras, por outro lado, podem ligar-se fisicamente a qualquer pintura limpa e descontaminada e até mesmo a revestimentos cerâmicos totalmente curados. Talvez o mais importante, uma cera ligar-se-á sempre a uma camada de cera curada, e é por isso que, ao planear o acabamento com protecção à base de cera, pode utilizar produtos de correcção que já contenham ceras (como o Tripple All-in-One Polish) para melhorar, corrigir ligeiramente e adicionar uma base de protecção de carnaúba. Também é possível aplicar camadas de ceras, para uma barreira mais espessa e uma protecção mais duradoura.

É claro que ainda pode utilizar One Step e o nosso Revitalise Kit antes da protecção à base de cera, pelo que existe claramente uma riqueza de produtos para escolher no que diz respeito à remoção da quantidade específica de defeitos no seu veículo. 

No nosso caso aqui, uma única etapa de aperfeiçoamento utilizando Revitalise No:3 Refining Compound e uma Revitalise No:3 Pad macia foi suficiente para remover quaisquer defeitos ligeiros, melhorar o acabamento e preparar a superfície para o revestimento com o nosso Kit de Protecção de Pintura Caramics.

LIMPEZA PROFUNDA DE INTERIORES

Pode-se pensar que passaríamos directamente à fase de protecção aqui e a verdade é que muitos o fazem. Mas, devido ao facto de o Outono e o Inverno tenderem a trazer mais sujidade e de esta poder ser transferida acidentalmente de volta para o exterior, por vezes faz sentido completar o interior antes de finalizar a protecção exterior. Pode ser um caso de tocar na pintura com o seu cabo do aspirador ou de simplesmente roçar contra as superfícies, é raro, mas acontece… e se acontecer, ficará satisfeito por poder simplesmente usar a polidora para rectificar quaisquer contratempos.

Em qualquer caso, a limpeza profunda de qualquer interior é exactamente a mesma que no Verão, apenas com um pouco mais de ênfase na remoção de sujidade mais pesada, onde poderá necessitar de produtos mais fortes para uma remoção intensa de manchas. Esta protecção é, na verdade, a questão chave aqui. Iremos utilizar o nosso Kit de Protecção Interior Caramics para proteger superfícies como tapetes, carpetes e assentos da sujidade que será definitivamente arrastada para o seu interior durante o Inverno. Isto também tornará qualquer contaminação mais segura e fácil de limpar durante a manutenção de rotina.

Mas primeiro, claro, teremos de limpar o interior para o preparar para a nossa protecção e escusado será dizer que uma limpeza profunda tem tudo a ver com ser extremamente minuciosa ao longo do caminho.

Os assentos e tapetes são as áreas que tendem a apanhar a sujidade mais pesada e começamos sempre qualquer detalhe interior com um bom vácuo para remover o máximo possível do material solto. Mais uma vez, a chave é ser minucioso, entrando lá por baixo dos assentos, entre os bolsos e em todos os recantos possíveis. Isto faz com que os próximos passos sejam mais sobre higienização e remoção de nódoas, em vez de tentar limpar a sujidade solta que pode ser facilmente removida primeiro.

O segundo passo para assentos e tapetes é utilizar um produto de limpeza adequado capaz de soltar e remover a sujidade em segurança. O Total Interior Cleaner é um produto pronto a usar que é adequado para uma utilização regular e ideal para a limpeza profunda de tapetes e assentos de tecido. Os assentos e tabliers de couro beneficiarão sempre do Hide Leather Cleanser, uma fórmula suave à base de glicerina concebida para combater a sujidade e óleos incrustados.

Ambos os produtos são concebidos para serem pulverizados liberalmente e agitados com uma escova adequada. 

Na grande maioria dos casos, estes produtos serão suficientes para limpar qualquer sujidade mas para tarefas realmente difíceis de remoção de nódoas em tapetes e tapetes, uma diluição adequada (1:5 ou 1:2) de Verso é segura para uso ocasional.

Em relação ao plástico interior a resposta, mais uma vez, é o Total. Deixando para trás nada mais do que um brilho natural acetinado em tabliers, consolas, pedais, volantes e outros acabamentos, o Total é simplesmente borrifado sobre a superfície, agitado com um Detailing Brush (para um poder de limpeza extra e para entrar nos recessos mais poeirentos) antes de ser limpa com um pano limpo de microfibras.

Para limpar o pó dentro das condutas do ar ou para outras áreas incómodas, também pode ser pulverizado directamente sobre um Detailing Brush. Para além disso, recomendamos sempre algumas “borrifadelas” de Wipe Out directamente nas aberturas de ventilação. Estes são notórios para a acumulação de bactérias durante o Inverno, quando os sistemas de ar condicionado permanecem desligados. Wipe Out mata 99,99% de todas as bactérias e vírus, tornando-o óptimo para este trabalho ou para a limpeza de áreas que vêem contacto humano frequente.

PROTECÇÃO INTERIOR

Agora para proteger totalmente as suas superfícies interiores acabadas de limpar, dando-lhes propriedades repelentes de sujidade que são particularmente ideais para os meses de Inverno. A boa notícia aqui é que fizemos um revestimento cerâmico para pele, alcântara, tapetes e tecidos super simples – o nosso Kit de Protecção de Interiores Caramics. A ideia – como com toda a protecção em cerâmica – é criar um escudo de ligação química que seja impenetrável à água e à sujidade. Isto evita que a sujidade se enraíze e, como qualquer contaminação futura será simplesmente colocada em cima do revestimento curado Si02 Caramics, torna a superfície mais facilmente sanitizada durante a manutenção.

Para tecidos e tapetes, permitir que o nosso Fabric Coating tenha acesso e trate todas as fibras possíveis é o objectivo. É por isso que foi desenvolvido sob uma forma de spray que pode ser mal passado sobre as superfícies antes de ser deixado para curar. Isto é tudo o que é necessário aqui – basta pulverizá-lo e deixá-lo secar.

As superfícies de pele não requerem a mesma dispersão do produto, pelo que o nosso Leather Coating pode ser pulverizado sobre os micro aplicadores fornecidos e rapidamente limpado sobre a superfície para transferir o revestimento. Mais uma vez, uma vez curado, isto instalará uma camada superior de cerâmica dura que não só resiste a derrames e sujidade, como também os repele activamente.

O Spritz Interior Detailer é o segundo produto que é extremamente útil aqui, enquanto que foi concebido principalmente para limpar pó leve e películas interiores de plásticos, borracha e vinil (tornando-o óptimo para a sua manutenção posterior), o Spritz também contém inibidores UV que ajudam a proteger o seu revestimento de desbotamentos e agentes anti-estáticos capazes de repelir o pó.

PROTECÇÃO DE PINTURAS EM CERÂMICA

Com o interior completo, agora é o momento ideal para acrescentar protecção ao resto do veículo, começando com a pintura. Mas, primeiro a questão de porque preferimos utilizar um revestimento cerâmico – ou mais especificamente o nosso Kit de Protecção de Pintura Caramics – em vez de uma cera dura convencional durante o Inverno? A resposta não tem nada a ver com estética. Trata-se mais da durabilidade e do verdadeiro nível de protecção. A cera pode funcionar bem no Inverno, não há dúvida disso mas os revestimentos cerâmicos – se quiser usar o seu veículo durante o mau tempo – são ainda melhores.

Vale a pena notar que os revestimentos cerâmicos também são feitos de sílica, ou dióxido de silicone (Si02). De facto, a camada sólida que deixam para trás é basicamente uma espécie de vidro e por ser super macia numa escala microscópica, não deixa nada a que as moléculas de sujidade ou água se agarrem. A maior parte da sujidade simplesmente desliza ou, no mínimo, senta-se na camada superior, facilitando a sua limpeza durante a manutenção.

É a mesma história para a água, porque a camada Si02 é lisa e impenetrável a que as moléculas não se podem agarrar, pelo que simplesmente escorrega – é assim que se obtém o comportamento extremo da água associado aos revestimentos cerâmicos.

Quanto à aplicação? Bem, é aí que a nossa gama de Caramics entra realmente em cena. Ao contrário dos revestimentos cerâmicos tradicionais, que requerem formação profissional para poderem ser aplicados com segurança, a gama Caramics foi desenvolvida tendo em mente a facilidade de utilização.

O revestimento de polímero cerâmico resistente do nosso Kit de Protecção de Pintura dá até 12 meses de protecção e é transferido para o veículo utilizando toalhetes especiais de Ceramic Resin. Basta passá-los através da superfície, painel a painel, utilizando um método de traçado cruzado (para cima e para baixo, depois lado a lado) para assegurar que todo o painel é coberto uniformemente. O revestimento cura muito rapidamente, o que significa que pode limpar os resíduos utilizando um pano limpo de microfibras após apenas 2-5 minutos e a sua pintura estará totalmente protegida.

A única coisa a lembrar é utilizar o Spray Prep Spray fornecido no kit antes de aplicar no revestimento. Este solvente forte é concebido para livrar a superfície de qualquer pó de polimento perdido, impressões digitais ou resíduos deixados que possam interferir com o processo de ligação da cerâmica. Basta borrifar sobre o painel, limpar e está pronto para os seus toalhetes.

PROTECÇÃO DE VIDRO

O nosso Kit de Protecção de Vidro Caramics, utiliza um método de aplicação semelhante e oferece os mesmos 12 meses de protecção ultra-hidrofóbica para o vidro. Terá uma melhor visão geral durante os meses de Inverno.

Mais uma vez, é importante preparar a superfície para remover quaisquer contaminantes e é por isso que incluímos um polish especial concebido para esfregar o vidro numa escala microscópica. Uma vez a superfície completamente preparada, é revestida da mesma forma que a sua pintura. A utilização de um Glass Wipe para cada janela, antes de remover qualquer excesso de revestimento com uma “borrifadela” rápida do Residue Remover incluído, é tudo o que é necessário aqui.

Mais uma vez, a aplicação foi cuidadosamente pensada para a tornar tão simples quanto possível.

PROTECÇÃO DAS RODAS

A última protecção Caramics é para as suas rodas e, embora este produto possa ser rapidamente aplicado para proteger as faces e abas enquanto as rodas permanecem montadas no veículo, no interesse da protecção total durante o Inverno, aplicaremos o revestimento também às partes internas.

Com o nosso Kit de Protecção de Rodas, o mesmo processo de preparação da superfície antes de aplicar o revestimento final é fundamental e com as rodas é melhor completar primeiro o interior, antes de passar para as faces e abas exteriores.

Aplique primeiro o Prep Spray em cada jante, polindo os recessos com um aplicador de microfibra ou pano para garantir que as superfícies ficam imaculadas.

O nosso Wheel Coating vem em forma de spray, o que ajuda a distribuir a resina de polímero por todas as superfícies. Basta pulverizar, utilizar o micro aplicador especial para espalhar e cobrir uniformemente cada centímetro (trabalhando cuidadosamente o produto em cada pequeno recanto), e limpar o excesso de resíduos. É isso mesmo – até 12 meses de protecção cerâmica.

ACABAMENTO

Claro que, como em todos os pormenores, existem alguns outros retoques finais, dependendo do carro em que se está a trabalhar. Quer seja um pouco de Mercury nas suas ponteiras de escape ou Revive Trim Dressing nos seus plásticos sem vida, os retoques finais são sempre por sua preferência… e, tem de ser dito, metade do divertimento, de detalhar.

No entanto, existem alguns processos de acabamento que se prestam particularmente bem à preparação para o Inverno e o primeiro é talvez o mais óbvio – revestir os seus pneus.

Uma aplicação de Satin Tyre Crème não só acrescenta um acabamento subtil e elegante mas também uma camada de barreira duradoura, resistente aos elementos ambientais, que pode ser complementada cada vez que se lava. Por outras palavras: enquanto o Satin nutre e recondiciona os seus pneus no interior, também protege da impregnação de sujidade no exterior.

Glisten Spray Wax é outro produto particularmente útil para proteger as áreas que outros produtos não conseguem alcançar, uma forma fácil de tratar as áreas mais incómodas como os partes interiores das portas. 

Esta cera líquida à base de solvente, fácil de usar, irá dar-lhe até um mês de protecção e é também apenas uma boa forma para uma protecção rápida noutras áreas, como por exemplo no interior dos fechos de portas e de porta-bagagens/bagagens. Alternativamente, aqui, claro – se estas áreas bem contactadas não forem tão perfeitas como gostaria – o Tripple All-in-One Polish irá limpar, polir e proteger com uma única aplicação.

Finalmente o Revive Trim Dressing, que pode ser um produto primário à base de silicone concebido para rejuvenescer e criar uma barreira de protecção resistente à água em superfícies de plástico fosco mas também é ideal para uma limpeza rápida das suas borrachas. 

Agora, é claro, pode maravilhar-se com os resultados do seu veículo completamente limpo e protegido. 

Options